Mãe usa maquiagem para esconder marcas de agressão e abandono de bebê em Mato Grosso

Mãe usa maquiagem para esconder marcas de agressão e abandono de bebê em Mato Grosso

Um episódio de violência e abandono de crianças ocorreu na cidade de Vera, localizada em Mato Grosso. A situação é particularmente preocupante devido às condições extremamente precárias em que as crianças foram encontradas na última segunda-feira, dia 8. É fundamental ressaltar que o bem-estar e a segurança das crianças são prioridades absolutas, e a intervenção da polícia e do conselho tutelar desempenha um papel fundamental na garantia de sua proteção. Uma jovem de 19 anos foi detida sob suspeita de agredir e abandonar seus dois filhos, com idades de 1 e 3 anos. A intervenção policial ocorreu após uma denúncia anônima relatar os casos de maus-tratos e negligência em relação às crianças.

Ao chegarem ao local indicado, os policiais depararam-se com uma situação alarmante. O bebê de 1 ano estava em um quarto sujo, repleto de roupas espalhadas e fraldas sujas. A criança apresentava hematomas no rosto e nas pernas, além de estar visivelmente suja e com sinais de sarna. Surpreendentemente, a mãe tentou disfarçar as lesões aplicando maquiagem nas áreas afetadas.

Durante a troca da fralda do bebê, uma policial constatou que seu peso estava significativamente abaixo do esperado para a idade, registrando apenas 5,6 kg na balança da Unidade de Atendimento. Para fins de comparação, o peso médio de um bebê de 1 ano varia entre 7 e 11 kg, de acordo com parâmetros de saúde estabelecidos.

A mãe das crianças foi detida e encaminhada à delegacia para prestar esclarecimentos, juntamente com um outro indivíduo. A Polícia Civil está conduzindo uma investigação do caso, procedimento padrão em situações dessa natureza. Durante o processo investigativo, serão coletadas evidências, realizados interrogatórios e adotadas as medidas necessárias para assegurar a justiça adequada.

Enquanto isso, é importante ressaltar que as crianças estão sob cuidados médicos e assistenciais. Elas estão recebendo atendimento médico para tratar das lesões e melhorar sua condição de saúde. Além disso, o conselho tutelar assumiu a responsabilidade pela criança de 3 anos, garantindo sua segurança e bem-estar. Cabe ressaltar que cada caso de abuso ou negligência infantil é único e requer uma abordagem cuidadosa e individualizada. O objetivo principal é garantir a segurança e o futuro saudável das crianças envolvidas nessa situação.

-

Redação: radiocuiabanafm.com.br

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *