Advogado alvo de representação diz que não sabia de acusações e que morte de Renato Nery é “inaceitável”

Advogado alvo de representação diz que não sabia de acusações e que morte de Renato Nery é “inaceitável”

O advogado Antônio João de Carvalho Júnior foi alvo de uma representação feita na OAB/MT pelo seu colega Renato Gomes Nery. Carvalho Júnior afirmou que não tinha conhecimento das acusações e as classificou como “levianas” e “destituídas de fundamento”.

O documento da representação foi protocolado dez dias antes de Nery ser assassinado com um tiro na cabeça, em Cuiabá.

Em resumo, Nery acusou Carvalho Júnior de se apropriar e negociar uma área que ele havia recebido como honorários de ações de reintegração de posse, na qual atuou por mais de trinta anos. No documento, Nery também citou outros advogados, incluindo o filho de um magistrado, um ex-secretário de Estado e um desembargador do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, alegando que eles teriam agido para prejudicá-lo.

Carvalho Júnior afirmou que tomou conhecimento da representação pela imprensa e que nunca foi intimado, notificado ou convocado pela OAB para prestar esclarecimentos. Ele negou ter tido qualquer ajuda ou interferência de terceiros, incluindo magistrados, e acusou Nery de falsificar documentos no processo. Carvalho Júnior considerou a representação uma tentativa de Nery de “dar credibilidade às alegações levianas”.

Por fim, o advogado Carvalho Júnior disse que se colocava à disposição das investigações e lamentou a morte de Nery, considerando-a “inaceitável”, mas afirmou que esse fato não diminui os atos processuais praticados por Nery.

Fonte : Midianews.com/ Foto: reprodução

- -

Redação: radiocuiabanafm.com.br

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *