Poder Judiciário firma cooperação técnica com cartórios para empregar vítimas de violência doméstica

Poder Judiciário firma cooperação técnica com cartórios para empregar vítimas de violência doméstica

Este projeto tem como meta oferecer até 10% de vagas em cartórios extrajudiciais para vítimas de violência, gerando entre 40 e 50 oportunidades de emprego. Até o momento, 93 dos 257 cartórios do estado já aderiram ao projeto.

A presidente do TJMT, desembargadores e representantes dos cartórios participaram da solenidade de assinatura do termo. O objetivo é garantir a autonomia financeira das mulheres e breaking the cycle of violence, além de valorizar a dignidade das vítimas.

O programa prevê a identificação de candidatas aptas pela CEMULHER, divulgação de vagas, encaminhamento de interessadas aos cartórios e apoio às contratadas. Além disso, os cartórios que aderirem ao projeto devem criar vagas, capacitar as contratadas e se comprometer com ações inclusivas.

Por: Marcia Marafon/ Fotos Ednilson Aguiar
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT

 

- -

Redação: radiocuiabanafm.com.br

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *