Haddad diz que proposta para taxar super-ricos está ganhando força global

Haddad diz que proposta para taxar super-ricos está ganhando força global
Nesta quarta-feira (17), o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, mencionou que uma proposta para a tributação dos super-ricos está se tornando mais relevante em nível global. Ele defendeu que esse tipo de medida pode contribuir para a construção de um futuro comum melhor, especialmente diante dos problemas geopolíticos atuais.

Durante uma entrevista em Washington, Haddad afirmou que autoridades irão discutir, durante o jantar do G20, como arrecadar fundos por meio da tributação dos super-ricos e como investir esses recursos para lidar com desafios como a transição climática e a pobreza.

O ministro também ressaltou a importância da presença da economista ganhadora do Prêmio Nobel Esther Duflo no jantar. Inicialmente, o Brasil havia convidado Gabriel Zucman, diretor do Observatório Europeu Fiscal, para auxiliar na elaboração de um relatório sobre essa questão. Haddad reiterou que o relatório deve estar pronto para a próxima reunião de Finanças do G20, que ocorrerá em julho.

Haddad enfatizou que alcançar um consenso até o final do ano sobre essa questão seria algo extraordinário e histórico.

Zucman propôs uma possibilidade em que pessoas com patrimônio líquido muito alto pagariam pelo menos 2% de seu patrimônio em impostos de renda anualmente. Ele estimou que essa medida pode gerar US$ 250 bilhões por ano, o que corresponderia à metade da receita anual projetada como necessária para que os países em desenvolvimento lidem com as questões relacionadas às mudanças climáticas.

Quanto às metas fiscais do Brasil, Haddad mencionou que o governo está acompanhando de perto o progresso das medidas de interesse governamental no Congresso, as quais são consideradas essenciais para aumentar a arrecadação do país.

-

Redação: radiocuiabanafm.com.br

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *