Em reunião com ministra, governador destaca ações de MT contra incêndios no Pantanal

Em reunião com ministra, governador destaca ações de MT contra incêndios no Pantanal

O governador Mauro Mendes reforçou o trabalho do Governo Estadual nas ações de prevenção e combate aos incêndios na região pantaneira durante o período de seca e demais épocas do ano.

Mauro se reuniu com a ministra do Meio Ambiente e Mudança Climática, Marina Silva, nesta terça-feira (28.05), em Brasília, junto com as equipes dos Bombeiros, Defesa Civil e das secretarias de Meio Ambiente de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Durante o encontro, o governador destacou as ações que deverão fortalecer os cuidados e prevenir incêndios na região.

“Nós estabelecemos uma cooperação entre os estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, juntamente com o Governo Federal, que vai permitir uma compreensão mais ampla da realidade do Pantanal para lidar com isso da melhor maneira, dada a relevância que o bioma representa para nós. Antecipamos nossos esforços para minimizar o problema e, preventivamente, preservar suas características ambientais”, explicou.

No início do mês, Mauro Mendes anunciou o envio de um Projeto de Lei Complementar para a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) que visa endurecer as medidas contra quem cometer crimes ambientais em Mato Grosso e punir as ações que possam prejudicar as áreas de preservação.

Mauro ainda relembrouCom a importância do Pantanal, que é um dos ecossistemas mais ricos e complexos do mundo.

“Cabe a nós compreendermos como podemos atuar de uma forma racional, inteligente e ambientalmente correta nesse bioma para ajudar a cuidar e preservar esse ecossistema”, pontuou.

Outra ação fomentada pelo Governo de Mato Grosso é a atuação do Comitê Estadual de Gestão do Fogo, por meio do planejamento para combate aos incêndios florestais, que, através da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), logo no começo do ano dá início aos trabalhos de prevenção e combate efetivo aos incêndios na região.

A ministra Marina Silva alertou sobre os fatores de risco para a região, como as mudanças climáticas e a interferência de causas naturais no Pantanal.

“A região é conhecida pelos longos períodos de seca e a consequente incidência de grandes incêndios, e este ano nós temos a combinação de vários fatores, que apontam uma grande influência de fenômenos climáticos como o La Niña no ecossistema do Pantanal. Nós devemos atuar para que essas ações do Governo Federal junto aos governadores sejam transformadas em um grande pacto político de proteção nesse período crítico que se aproxima”, declarou.

A ministra finalizou sua fala viabilizando apoio e suporte ao Governo Estadual nas ações efetivas contra incêndios.

Também participaram da reunião: o secretário-chefe da Casa Civil, Fábio Garcia, e o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Alessandro Borges.

-

Redação: radiocuiabanafm.com.br

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *